Filmes por gênero

O GOSTO DOS OUTROS (2000)

Le goût des autres
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: The taste of others (USA)
Para todos los gustos (Espanha)
El gusto de los otros (Argentina)
Il gusto degli altri (Itália)
Lust auf anderes (Alemanha)
De andres smak (Noruega)
I andras ögon (Suécia)
На чужой вкус (Rússia)
Pais: França
Gênero: Comédia, Drama, Romance
Direção: Agnès Jaoui
Roteiro: Agnès Jaoui, Jean-Pierre Bacri
Produção: Charles Gassot, Christian Bérard
Design Produção: François Emmanuelli
Música Original: Jean-Charles Jarrel
Fotografia: Laurent Dailland
Edição: Hervé de Luze
Figurino: Jackie Budin
Guarda-Roupa: Sophie Breton, Ann Dunsford
Maquiagem: Catherine Vrignaud
Efeitos Sonoros: Dominique Gaborieau, Jean-Noël Yven, Laurent Boudaud
Efeitos Especiais: Pascal Fauvelle, Georges Demétrau
Efeitos Visuais: Frederic Moreau
Nota: 8.7
Filme Assistido em: 2003

Elenco

Anne Alvaro Clara Devaux
Jean-Pierre Bacri Jean-Jacques Castella
Alain Chabat Bruno Deschamps
Agnès Jaoui Manie
Gérard Lanvin Franck Moreno
Christiane Millet Angélique
Wladimir Yordanoff Antoine
Anne Le Ny Valérie
Brigitte Catillon Béatrice Castella
Raphaël Dufour Benoît
Xavier de Guillebon Weber
Céline Arnaud Virginie
Robert Bacri Pai de Castella
Marie Agnès Brigot Secretária de Castella
Michel Caccia Pintor
Sam Karmann O diretor
Bob Zaremba Fred
Stanislas De la Tousche Juiz
Jean-François Levistre Arsace
Didier Mahieu Marido de Hedda
Jean-Pierre Darroussin Espectador no teatro

Prêmios

Academia do Cinema Europeu

Prêmio de Melhor Roteirista Europeu (Jean-Pierre Bacri, Agnès Jaoui)

Prêmios David di Donatello, Itália

David de Melhor Filme Estrangeiro (Agnès Jaoui)

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Filme (Agnès Jaoui)

César de Melhor Roteiro (Agnès Jaoui, Jean-Pierre Bacri)

César de Melhor Atriz Coadjuvante (Anne Alvaro)

César de Melhor Ator Coadjuvante (Gérard Lanvin)

Festival de Montréal, Canadá

Grand Prix das Américas (Agnès Jaoui)

Festival de Cabourg, França

Prêmio de Melhor Ator (Jean-Pierre Bacri)

Prêmios Lumière, França

Prêmio Lumière de Melhor Filme (Agnès Jaoui)

Prêmio Lumière de Melhor Roteiro (Agnès Jaoui, Jean-Pierre Bacri)

Prêmio Lumière de Melhor Direção (Agnès Jaoui)

Prêmios Turia, Espanha

Prêmio Turia de Melhor Filme Estrangeiro (Agnès Jaoui)

Prêmios Étoiles d'Or, Paris, França

Étoile d'Or de Melhor Filme (Agnès Jaoui)

Étoile d'Or de Melhor Primeiro Filme (Agnès Jaoui)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Filme em Língua Estrangeira (França)

Academia do Cinema Europeu

Prêmio de Melhor Filme Europeu (Charles Gassot)

Associação dos Críticos de Cinema da Argentina

Condor de Prata de Melhor Filme Estrangeiro (Agnès Jaoui)

Prêmios César - Academia das Artes do Cinema, França

César de Melhor Direção (Agnès Jaoui)

César de Melhor Edição (Hervé de Luze)

César de Melhor Ator (Jean-Pierre Bacri)

César de Melhor Ator Coadjuvante (Alain Chabat)

César de Melhor Atriz Coadjuvante (Agnès Jaoui)

Prêmios Guldbagge, Suécia

Prêmio de Melhor Filme Estrangeiro (França)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Jean-Jacques Castella é um industrial que possui uma fábrica de aço. Quando lhe dizem que, para conduzir um negócio com um grupo de iranianos, ele precisa aprender inglês, ele contrata Clara Devaux para ensiná-lo. Sua esposa, Angelique, é uma decoradora de interiores que ama seu cachorro e está trabalhando no apartamento de sua cunhada.
 
Certo dia, o casal vai ao teatro, onde sua sobrinha se apresenta em uma produção de Bérénice, acompanhado pelo motorista Bruno Deschamps e pelo guarda-costas de Castella, Franck Moreno. Ao chegarem lá, ele vê Clara, que também é atriz. Enquanto isso, Franck comenta com Bruno que era um policial que, depois de trabalhar incansavelmente com seu parceiro para prender um criminoso aparentemente intocável, a investigação foi encerrada abruptamente, o que o levou a deixar a polícia. Quando Franck pede a Bruno para ir ao bar para comprar cigarros, a garçonete, Manie, lembra-se de ter feito sexo com o motorista, mas este não se recorda. 
 
Ao terminar a apresentação da peça, Clara vai ao bar com seus amigos, incluindo Antoine e Valerie, e a conversa deles revela que ela tem medo de nunca mais voltar a trabalhar por já ter quarenta anos. Bruno, cuja noiva está fazendo um estágio nos Estados Unidos, passa a noite com Manie que, ao que parece, vende drogas e é frequentemente visitada por seus clientes. Franck conhece Manie através de Bruno e eles começam um relacionamento.
 
Anteriormente desinteressado em teatro e relutante em ver uma peça em vez de jantar em um restaurante, Castella assiste a outra performance de Clara e desenvolve um fascínio por seu estilo de vida boêmio. Ele se junta a ela e aos amigos para almoçar e assiste a uma mostra de arte onde compra uma peça. No entanto, sua ignorância cultural faz dele um motivo de riso. No bar, com os amigos de Clara, todos brincam com ele ao dizerem que Henrik Ibsen é um grande dramaturgo, além de outros como Tennessee Williams. Na ocasião, Clara confidencia à sua amiga Manie que Castella é um homem grosseiro.
 
Com relação às aulas de inglês, inicialmente ministradas no escritório de Castella, elas são transferidas para uma casa de chá inglesa onde, para mostrar seu progresso, ele escreve um poema dedicado à Clara. No entanto, ele fica consternado quando ela diz que não compartilha os sentimentos expressos em seu poema. Enquanto isso, Franck comenta com Manie que não recebeu notícias de sua noiva que foi aos Estados Unidos para um estágio. Na ocasião, ela lhe diz que, a exemplo dele, sua noiva pode ter dormido com outro homem e deseja permanecer naquele país. Manie, agora, se envolveu com Franck, a ponto dos dois falarem em casamento, embora ele se mostre cada vez mais irritado e incomodado com o seu tráfico de drogas.
 
Castella e Angelique estão se afastando, o que fica claro quando ela remove um quadro que ele comprou da amiga de Clara, que ela não gosta e não combina com o resto da casa. Ele retruca que não aguenta mais morar em uma loja de doces, referindo-se à decoração de interiores de Angelique. Clara começa a sentir que seus amigos estão se aproveitando de Castella e diz a ele. Na ocasião, ele afirma que comprou a pintura e está trabalhando com a amiga para redesenhar a frente de sua fábrica não para ela, mas porque ele realmente gosta dessas coisas.
 
Quando o contrato de Franck termina, Bruno revela que o político corrupto que ele tentou enviar para a prisão foi finalmente preso pelo seu ex-parceiro. Na ocasião, Franck admite que seu parceiro estava certo ao permanecer na polícia.
 
 

imagem

Comentários

Realizada por Agnès Jaoui, a partir de um roteiro por ela escrito juntamente com seu marido Jean-Pierre Bacri, "O Gosto dos Outros" é uma deliciosa comédia de costumes do cinema francês lançada no Brasil em janeiro de 2002.

Na direção, Jaoui realiza um magnífico trabalho, o que lhe rendeu diversas premiações, fato que se repetiu por suas atuações como roteirista e atriz coadjuvante. No elenco, foram igualmente premiados ou indicados à premiação os atores Jean-Pierre Bacri, Anne Alvaro, Gérard Lanvin e Alain Chabat.

Enfim, "O Gosto dos Outros" é, sem nenhuma dúvida, um dos filmes mais divertidos que assisti ultimamente.

CAA