Filmes por gênero

CROWN, O MAGNÍFICO (1968)

The Thomas Crown affair
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: O grande mestre do crime (Portugal)
L'affaire Thomas Crown (França, Canadá)
Il caso Thomas Crown (Itália)
El caso de Thomas Crown (Espanha)
Sociedad para el crimen (México)
El affaire de Thomas Crown (Argentina)
Thomas Crown ist nicht zu fassen (Alemanha, Austria)
Äventyraren Thomas Crown (Suécia)
Афера Томаса Крауна (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Crime, Romance, Suspense
Direção: Norman Jewison
Roteiro: Alan Trustman
Produção: Norman Jewison, Hal Ashby
Música Original: Michel Legrand
Direção Musical: Michel Legrand
Fotografia: Haskell Wexler
Edição: Ralph E. Winters, Hal Ashby, Byron Brandt
Direção de Arte: Robert F. Boyle
Guarda-Roupa: Alan Levine, Ron Postal, Theadora Van Runkle
Maquiagem: Del Armstrong
Efeitos Sonoros: Walter Goss, Clem Portman, James Richard
Nota: 8.3
Filme Assistido em: 1969

Elenco

Steve McQueen Thomas Crown
Faye Dunaway Vicki Anderson
Paul Burke Detetive Eddy Malone
Jack Weston Erwin Weaver
Biff McGuire Sandy
Addison Powell Abe
Astrid Heeren Gwen
Gordon Pinsent Jamie
Yaphet Kotto Carl
Sidney Armus Arnie
Peg Shirley Honey
Patrick Horgan Danny
Carol Corbett Srta. Sullivan
Tom Rosqui Soldado Detetive
Michael Shillo Banqueiro suiço
Nora Marlowe Marcie
Sam Melville Dave
Ted Gehring Marvin
Paul Verdier Ascensorista
Judy Pace Jovem linda
Bruce Glover Gerente de Banco
Leonard Caron Jimmy Weaver
Harry Cooper Ernie
Allen Emerson Don
Johnny Silver Bert
Patty Regan Jovem no elevador

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Canção Original (Michel Legrand, Alan Bergman, Marilyn Bergman)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Canção Original (Michel Legrand, Alan Bergman, Marilyn Bergman)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Trilha Sonora de uma Comédia ou Drama (Michel Legrand)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio Anthony Asquith de Melhor Música (Michel Legrand)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Trilha Sonora Original (Michel Legrand )

Prêmios Laurel, USA

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Ator em um Drama (Steve McQueen)

Prêmio Laurel de Ouro de Melhor Filme de Ação - Drama (5º lugar)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em um quarto de hotel em Boston, Erwin Weaver recebe uma proposta para ganhar 50 mil dólares para comprar uma caminhonete Ford e dirigi-la conforme suas instruções, sempre que for chamado. O homem misterioso é o empresário milionário Thomas Crown, que mais tarde, entediado com seus vários sucessos, faz ligações para cinco homens estacionados em várias cabines telefônicas pela cidade.

Ao receberem um determinado sinal, esses homens se dirigem para o Banco Mercantile, onde roubam US$ 2 milhões. Conforme combinado, o dinheiro é entregue a Erwin, que os aguardava na caminhonete recém-comprada. Em seguida, ele segue para o ponto de encontro combinado em um cemitério. Conforme instruído, Erwin deposita os sacos de dinheiro em uma lata de lixo, troca as placas da caminhonete e vai embora. Posando como um enlutado, Thomas recupera o dinheiro e retorna para sua mansão, onde ele desfruta de uma bebida em comemoração ao plano bem sucedido.

Enquanto isso, o detetive Eddy Malone lidera a investigação policial, mas encontra poucas pistas para o crime meticulosamente organizado. Depois que uma testemunha identifica a caminhonete, Eddy ordena que todos os carros semelhantes sejam revistados e, embora Erwin esteja parado, o carro passa pela inspeção e ele é liberado. Pouco tempo depois, Thomas voa para Genebra, onde deposita parte do dinheiro em uma conta bancária secreta, convencendo facilmente o gerente do banco a aceitar a nova conta sem qualquer informação pessoal.

Por outro lado, o Investigador de seguros Jamie McDonald, furioso por sua empresa ter que indenizar o Banco, insiste que o detetive Eddy trabalhe com uma especialista, Vicki Anderson. Uma semana depois, após analisar as informações disponíveis sobre o roubo, ela deduz que o ladrão transportou o dinheiro para um banco na Suíça em vários voos, sabendo que os agentes alfandegários do país raramente inspecionam a bagagem.

Considerando a colocação de Vicki, Eddy procura, nos registros das companhias aéreas, os nomes e fotografias das pessoas que ultimamente fizeram várias viagens à Suíça. Depois de descartar instintivamente a maioria dos suspeitos, Vicki vê a foto de Thomas Crown e resolve investigá-lo. Assim, ao encontrá-lo participando de um jogo de polo, ela descaradamente atrai sua atenção, ao filmá-lo com uma câmera caseira, e depois declara a um não convencido Eddy que Thomas é definitivamente o culpado.

Ao tomar conhecimento de que Thomas participará de um leilão de arte, Vicki comparece ao mesmo, onde o encontra. Ao vê-la, ele a procura e, enquanto conversam, ela revela imediatamente que está investigando-o como suspeito do assalto ao Banco, fazendo-o rir. Durante o jantar, os dois se digladiam verbalmente, aumentando a atração de um pelo outro.

Mais tarde, enquanto Thomas observa que sua casa está sendo vigiada, Eddy se pergunta por que um homem, tão rico quanto ele, roubaria um banco, concluindo que deve ser "por diversão". Um anúncio do jornal atrai a atenção da esposa irritada de Erwin, que liga suas informações ao comportamento suspeito do marido. Embora Eddy expressamente proíba Vicki de perseguir Erwin usando meios ilegais, ela contrata detetives particulares para roubar sua caminhonete e sequestrar seu filho, exigindo US$ 5.000 como resgate.

Recusando-se a chamar a polícia, Erwin entrega o dinheiro apenas para encontrar Vicki, que devolve o menino e o dinheiro, que ela aponta como prova de seu envolvimento no roubo, e extrai uma confissão completa. Eddy, com inveja de Vicki, questiona sua moralidade, levando-a a admitir com raiva que ela é de fato imoral e interessada apenas em sua compensação, dez por cento do dinheiro recuperado. Vicki, então, convida Thomas para encontrá-la na delegacia de polícia, onde o apresenta a Eddy, ocasião em que ambos se cumprimentam cautelosamente. Em seguida, Thomas a leva para sua casa, onde ela admira seu gosto refinado. Depois de alguns drinques, ela zomba dele e o desafia para um jogo de xadrez, ao fim do qual os dois terminam com um longo beijo.

Com o passar dos dias, o romance deles se aprofunda, assim como sua luta psicológica. Thomas, cansado de ser perseguido pela polícia e auditado pela Receita Federal, decide voltar a namorar Gwen, sabendo que Vicki será informada. Chateada, ela o confronta, ocasião em que ele responde que está apenas testando sua devoção. Posteriormente, ela propõe que a deixe conseguir um acordo para ele, mas ao ligar para Eddy, este se recusa a aceitar qualquer oferta.

Confusa, por seus sentimentos de culpa, Vicki fica ainda mais chocada quando Thomas declara que está planejando outro assalto. Assim, certa noite, ele anuncia que o assalto ocorrerá no dia seguinte e lhe informa sobre o cemitério onde pretende recolher o dinheiro, afirmando que a está testando para ter certeza que ela está do seu lado.

Apesar de sua hesitação, Vicki informa Eddy sobre os planos de Thomas, e no dia seguinte, eles esperam por Thomas no cemitério. Quando tudo indica que ele não aparecerá, Eddy questiona Vicki sobre sua honestidade mas, nesse momento, o Rolls Royce entra juntamente com um cortejo fúnebre.

Eddy, triunfantemente, vai ao encontro do carro e, quando Vicki abre sua porta, o motorista, um mensageiro, entrega-lhe um telegrama de Thomas, através do qual ele lhe pede para se juntar a ele, com o dinheiro. No final, ela rasga o telegrama e, dominada pela emoção, olha para o céu na esperança de ver o avião em que ele se encontra.

imagem

Comentários

Em um quRealizado pelo cineasta Norman Jewison, a partir de um roteiro escrito por Alan Trustman, “Crown, o Magnífico” é um filme norte-americano produzido pelas empresas Simkoe, Mirisch Corporation e Solar Productions em 1968.

Na direção, Jewison realiza um belo trabalho, marcado por um ótimo ritmo ao longo de toda a projeção. Os diálogos se mostram inteligentes, dentro de um roteiro muito bem estruturado. Por outro lado, a trilha sonora, a cargo de Michel Legrand, contribui fortemente para construção da tensão exigida pela trama.

No elenco, Steve McQueen brilha no papel de Thomas Crown, seguido pelas boas atuações de Faye Dunaway, Jack Weston e Paul Burke.

CAA