Filmes por gênero

NOS BASTIDORES DA NOTÍCIA (1987)

Broadcast news
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Edição Especial (Portugal)
Dentro la notizia (Itália)
Al filo de la noticia (Espanha)
Detrás de las noticias (Argentina, México, Peru)
Broadcast News - Nachrichtenfieber (Alemanha)
Broadcast News - Nyhetsfeber (Suécia)
A híradó sztárjai (Hungria)
Теленовости (União Soviética)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Comédia, Drama, Romance
Direção: James L. Brooks
Roteiro: James L. Brooks
Produção: James L. Brooks, Penney Finkelman Cox, Susan Zirinsky
Design Produção: Charles Rosen
Música Original: Bill Conti
Fotografia: Michael Ballhaus
Edição: Richard Marks
Figurino: Molly Maginnis
Guarda-Roupa: Oda Groeschel, G. Tony Scarano
Maquiagem: Carl Fullerton
Efeitos Sonoros: Robert Grieve, Beth Bergeron, Jack Keller, Cindy Marty e outros
Efeitos Visuais: Clayton R. Marsh
Nota: 8.7
Filme Assistido em: 1988

Elenco

William Hurt Tom Grunick
Holly Hunter Jane Craig
Jack Nicholson Bill Rorich
Robert Prosky Ernie Merriman
Albert Brooks Aaron Altman
Lois Chiles Jennifer Mack
Joan Cusack Blair Litton
Peter Hackes Paul Moore
Christian Clemenson Bobby
Robert Katims Martin Klein
Ed Wheeler George Wein
Stephen Mendillo Gerald Grunick
Leo Burmester Pai de Jane
Amy Brooks Elli Merriman
Jane Welch Anne Merriman
Jonathan Benya Clifford Altman
Sally Knight Lila
Susan Marie Feldman Ellen
Richard Thomsen General McGuire
Nannette Rickert Secretária de Paul
Timothy W. White Edward Towne
Emily Crowley Emily
David Long Donny
Kimber Shoop Tom, quando jovem
Gennie James Jane, quando jovem

Prêmios

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio Urso de Prata de Melhor Atriz (Holly Hunter)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Atriz (Holly Hunter)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Filme

Prêmio de Melhor Roteiro (James L. Brooks)

Prêmio de Melhor Atriz (Holly Hunter)

Prêmio de Melhor Direção (James L. Brooks)

Sociedade dos Críticos de Cinema de Boston

Prêmio de Melhor Ator (Albert Brooks)

Prêmio de Melhor Atriz (Holly Hunter)

Prêmio de Melhor Roteiro (James L. Brooks)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Ator (William Hurt)

Oscar de Melhor Atriz (Holly Hunter)

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Albert Brooks)

Oscar de Melhor Roteiro Original (James L. Brooks )

Oscar de Melhor Filme (James L. Brooks)

Oscar de Melhor Fotografia (Michael Ballhaus)

Oscar de Melhor Edição (Richard Marks)

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio Urso de Ouro (James L. Brooks)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Filme - Musical ou Comédia

Prêmio de Melhor Atriz em um Musical ou Comédia (Holly Hunter)

Prêmio de Melhor Roteiro (James L. Brooks)

Prêmio de Melhor Direção (James L. Brooks)

Prêmio de Melhor Ator em um Musical ou Comédia (William Hurt)

Grêmio dos Diretores da América

Prêmio por Direção Excepcional (James L. Brooks)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Direção (James L. Brooks)

Sociedade Nacional dos Críticos de Cinema dos Estados Unidos

Prêmio de Melhor Ator (Albert Brooks)

Preêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Albert Brooks)

Círculo dos Críticos de Cinema de Nova York, EUA

Prêmio de Melhor Ator (William Hurt)

Grêmio dos Roteiristas da América

Prêmio de Melhor Roteiro escrito diretamente para o cinema (James L. Brooks)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1981 em Washington, Jane Craig é uma produtora de televisão de sucesso em uma rede nacional. Durante uma conferência para radiodifusores locais, ela faz um discurso de abertura apaixonado, mas mal recebido, exortando seus colegas a não perderem de vista sua integridade jornalística. Assim que o salão fica vazio, Tom Grunick, um âncora de mente fraca, elogia seu discurso e aceita seu convite para jantar. 
 
De volta ao seu quarto de hotel, Tom confessa que está desconfortável com seu grande sucesso porque raramente entende as histórias que lê no ar. Quando Jane sugere que ele faça um esforço para fortalecer suas qualificações, Tom se ofende com sua atitude direta e sai constrangido. Mais tarde, naquela noite, ele liga para Jane para revelar que sua rede o contratou como seu novo âncora.
 
Durante sua primeira semana no trabalho, Tom sente-se intimidado com a intensidade de Jane, mas continuamente busca seus conselhos. Com o tempo, Jane percebe que tem sentimentos complicados por Tom, embora ela não o respeite. Quando os líbios bombardeiam uma Base Militar dos Estados Unidos na Itália, o diretor da Rede, Paul Moore, pede uma reportagem de última hora ao vivo com Tom como âncora. Jane se opõe, insistindo que seu colega próximo, Aaron Altman, é mais qualificado, mas Paul se recusa a ouvir. Como resultado, Aaron envia informações para Jane por telefone, que ela retransmite para Tom pelo fone de ouvido. O relatório é um grande sucesso, e Tom se entusiasma com o trabalho em equipe.
 
Em seguida, Jane visita Aaron, que se acha bêbado em seu apartamento. Na ocasião, ele sugere sua afeição por ela, mas Jane lhe dá um beijo de despedida amigável, antes de ir encontrar seus colegas de trabalho em um Bar do outro lado da cidade. Na esperança de encontrar Tom sozinho, ela fica desapontada ao vê-lo saindo com uma colega. À medida em que a paixão de Jane  por Tom aumenta, ela reúne coragem para convidá-lo para uma festa, onde os dois reconhecem sua atração mútua. No final da noite, Tom apresenta seu primeiro trabalho sobre os perigos crescentes do estupro. Embora Jane inicialmente ria da sugestão, o artigo mais tarde prova ser uma exposição emocionalmente poderosa que a faz reconsiderar seu estilo de reportagem mais conservador. Certa tarde, Paul Moore anuncia que foi forçado a implementar um corte de orçamento de US$24 milhões, resultando em demissões em massa. 
 
O simpático chefe do escritório, Ernie Merriman, avisa Aaron que ele pode ser demitido. Determinado a provar a si mesmo como âncora, Aaron implora por uma chance de ler as notícias do fim de semana. Ernie concorda e convoca Tom para treinar Aaron nos elementos mais superficiais de sua apresentação. Embora Aaron escreva uma cópia convincente, ele não possui o carisma de Tom e transpira excessivamente diante das câmeras. Enquanto isso, Jane acompanha Tom ao jantar dos correspondentes na Casa Branca, mas os dois deixam a festa para compartilharem um momento romântico na escadaria do Memorial de Jefferson. Quando o abraço se torna íntimo, Jane de repente se lembra de sua promessa de verificar Aaron após seu relatório, e pede a Tom para esperar por ela. 
 
Em seu apartamento, Aaron conta os acontecimentos desastrosos da noite e se oferece para preparar o jantar para Jane. Ela, no entanto, recusa, confessando seus sentimentos por Tom. Aaron, amargamente, lembra que a âncora vazia personifica tudo o que ela tem lutado. Na tentativa de dissuadi-la de prosseguir com o relacionamento, Aaron admite que está secretamente apaixonado  por ela há algum tempo. Sem saber o que fazer, Jane liga para Tom para dizer que está atrasada, mas ele cancela o noivado. Chateada, ela confronta Tom no trabalho, no dia seguinte, e eles se reconciliam. 
 
Enquanto a estação se reestrutura, Jane descobre que foi designada para substituir Ernie Merriman, enquanto Tom é promovido para o escritório da rede em Londres. Paul mantém Aaron na equipe como um repórter eficiente em termos de custos, mas ele renuncia e aceita uma posição de âncora em Portland, Oregon, onde espera ser mais apreciado. Uma semana antes do início  de seu novo emprego, Tom convence Jane a tirar férias, com ele, para que possam testar a compatibilidade fora do local de trabalho. Antes de sair, no entanto, ela encontra Aaron que, magoado por sua decisão, a informa que Tom fingiu chorar durante a história do estupro. Enojada com a violação da ética, por parte de Tom, ela opta por abrir mão das férias. 
 
Vários anos depois, Tom, Aaron e Jane se reencontram em uma conferência. Embora os homens tenham carreiras estáveis e famílias em crescimento, Jane aceitou uma posição de prestígio como editora-chefe na cidade de Nova York e revela que começou um relacionamento , mas feliz, com outro homem.

imagem

Comentários

Escrito e dirigido pelo cineasta James L. Brooks, "Nos Bastidores da Notícia" é um filme produzido em 1987 pelas empresas Amercent Films, American Entertainment Partners L. P., e Gracie Films.
 
Na direção, Brooks realiza um excelente trabalho, no que é ajudado pela ótima fotografia, a cargo de Michael Balhaus, bem como, pelas excelentes atuações de Albert Brooks, Holly Hunter e William Hurt. 
 
CAA