Filmes por gênero

INDIANA JONES E O TEMPLO DA PERDIÇÃO (1984)

Indiana Jones and the Temple of Doom
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Indiana Jones e o templo perdido (Portugal)
Indiana Jones et le temple maudit (França)
Indiana Jones e il tempio maledetto (Itália)
Indiana Jones y el templo maldito (Espanha)
Indiana Jones y el templo de la perdición (México, Argentina, Peru)
Indiana Jones och de fördömdas tempel (Suécia)
Indiana Jones und der Tempel des Todes (Alemanha)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Ação, Aventura
Direção: Steven Spielberg
Roteiro: Gloria Katz, Willard Huyck
Produção: Robert Watts, Kathleen Kennedy
Design Produção: Elliot Scott
Música Original: John Williams
Coreografia: Danny Daniels
Fotografia: Douglas Slocombe
Edição: Michael Kahn
Direção de Arte: Roger Cain, Alan Cassie
Figurino: Anthony Powell
Guarda-Roupa: Ron Beck, Joanna Johnston
Maquiagem: Tom Smith
Efeitos Sonoros: Ben Burtt, Simon Kaye, Laurel Ladevich
Efeitos Especiais: Kevin Pike, David Harris, George Gibbs e outros
Efeitos Visuais: Dennis Muren, Lorne Peterson, Michael J. McAlister, George Gibbs
Nota: 9.1
Filme Assistido em: 1985

Elenco

Harrison Ford Indiana Jones
Kate Capshaw Willie Scott
Jonathan Ke Quan Short Round
Amrish Puri Mola Ram
Roshan Seth Chattar Lal
Philip Stone Capt. Blumburtt
Roy Chiao Lao Che
David Yip Wu Han
Ric Young Kao Kan
Chua Kah Joo Chen
Dan Aykroyd Weber
Akio Mitamura Piloto chinês
Michael Yama Co-piloto chinês
D.R. Nanayakkara Shaman
Dharmadasa Kuruppu Chieftain
Stany De Silva Sajnu
Raj Singh Pequeno Marajá
Pat Roach Chefe da Guarda
Mellan Mitchell Guarda do Templo
Bhasker Patel Guarda do Templo
Debbie Astell Dançarina
Maureen Bacchus Dançarina
Corinne Barton Dançarina
Sharon Boone Dançarina
Marisa Campbell Dançarina
Christine Cartwright Dançarina
Sidney Ganis Missionário
George Lucas Missionário
Anthony Powell Missionário

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhores Efeitos Visuais (Dennis Muren, Michael J. McAlister, Lorne Peterson, George Gibbs )

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhores Efeitos Visuais Especiais (Dennis Muren, Michael J. McAlister, Lorne Peterson, George Gibbs )

Prêmios Júpiter, Alemanha

Prêmio Jupiter de Melhor Filme Internacional (Steven Spielberg)

Prêmio Júpiter de Melhor Ator Internacional (Harrison Ford)

Prêmios para Jovens Artistas, EUA

Prêmio de Melhor Ator Jovem em Papel Coadjuvante (Jonathan Ke Quan)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Trilha Sonora (John Williams)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Fotografia (Douglas Slocombe )

Prêmio de Melhor Edição (Michael Kahn)

Prêmio de Melhor Trilha Sonora (Ben Burtt, Simon Kaye, Laurel Ladevich)

Academia Japonesa de Cinema, Japão

Prêmio de Melhor Filme em Língua Estrangeira

Academia de Filmes de Ficção Científica, Fantasia e Horror, USA

Prêmio de Melhor Ator (Harrison Ford)

Prêmio Saturn de Melhor Atuação de um Ator Jovem (Jonathan Ke Quan)

Prêmio de Melhor Direção (Steven Spielberg)

Prêmio Saturn de Melhor Roteiro (Willard Huyck, Gloria Katz)

Prêmio Saturn de Melhor Figurino (Anthony Powell)

Prêmio Saturn de Melhor Maquiagem (Tom Smith)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Em 1935, no Club Obi Wan, em Xangai, Indiana Jones e seu amigo Wu Han, disfarçado de garçom, encontram o criminoso Lao Che, que procura os restos mortais de Nurhachi, um antigo imperador da dinastia Ming. Quando o acordo é fechado, Che tenta envenenar Jones, mas o caos ocorre, levando à uma perseguição de Lao Che e seus capangas. O carro usado na fuga é conduzido por Short Round, um menino chinês de 10 anos. Jones consegue fugir a bordo de um avião de carga, embora ele não saiba que o avião pertence ao próprio Lao Che.
 
A caminho da Índia, o avião cai nas montanhas, depois que o piloto se livra de todo o seu combustível. Em seguida, depois de uma longa caminhada pelas montanhas do Himalaia, e de um rio furioso em um bote salva-vidas, eles finalmente chegam à uma vila desolada da Índia. Os pobres moradores pedem sua ajuda para recuperarem uma pedra sagrada de Shiva Ungam, das forças do mal do Palácio Pankot, localizado nas proximidades. Segundo eles, quando a pedra foi roubada, as plantações da aldeia queimaram e as pessoas começaram a morrer de fome. Ainda segundo eles, as forças de Pankot também sequestraram todas as crianças da vila.
 
À noite, Jones encontra uma das crianças desaparecidas que conseguiu fugir e voltar para a vila. Na ocasião, Jones toma conhecimento de uma nova pista sobre as pedras desaparecidas e passa a acreditar na possibilidade delas serem umas das lendárias pedras Adi Shankara. Por outro lado, um ancião da vila acredita que Jones foi enviado por Shiva para recuperar as pedras. 
 
Ao chegarem ao Palácio Pankot, os viajantes são recebidos pelo principal assessor do marajá, Chattar Lal, e pelo líder local do regimento britânico, capitão Blumburtt. Em seguida, durante um jantar com o próprio marajá, Jones questiona Lal sobre as reivindicações dos moradores. Ele responde dizendo que os moradores são supersticiosos. Jones também traz à tona a história da área, já que ela foi o centro de um culto religioso fanático, deixando-o irritado. Quando o marajá afirma que tem vergonha da história do bandido em sua religião, Jones pede desculpas por sua indiscrição.
 
Mais tarde, naquela noite, Jones é atacado em seu quarto por um suposto assassino, o que leva Willie e Short Round a descobrirem um templo subterrâneo sob Pankot, onde encontram um grupo praticando um antigo ritual de magia negra e sacrifício humano. Embora possuam três das pedras antigas, uma das quais pertence à vila, ainda faltam duas. Por outro lado, as crianças escravizadas são obrigadas a cavar em busca das duas últimas pedras nas minas do palácio.
 
Mola Ram, o sumo sacerdote vilão do culto, espera poder usar o poder das cinco pedras unidas para governar o mundo. Em um ritual, os presentes testemunham Mola Ram, com suas próprias mãos, retirar o coração de um homem, que sobrevive com o coração a bater na mão de Mola Ram, até que ele é baixado lentamente  em um poço de lava, fazendo com que o coração queime em chamas.
 
Enquanto isso, Jones deixa Willie e Shorty para trás a fim de recuperar as pedras Sankara. Enquanto as recolhe, ele ouve o grito de uma criança vindo de trás da estátua de Kali. Enquanto Willie se pergunta por que Jones está saindo, um guarda os surpreende e os captura. Por outro lado, Jones encontra uma grande escavação, onde as crianças são forçadas a trabalhar. Enfurecido, ele joga uma pedra em um dos guardas, mas é capturado. Levado para uma pequena cela, um dos garotos da vila lhe diz que algumas crianças são forçadas a beber o sangue de Kali, uma poção que as torna inquestionavelmente obedientes à Mola Ram. Jones é forçado a beber o sangue de Kali e fica ao lado de Mola Ram quando Willie é oferecida como sacrifício humano.
 
Quando Short Round é colocado  nas minas ao lado das crianças, como escravo, ele consegue se libertar e corre para o templo onde Willie está prestes a ser sacrificada. Desesperado para ajudar a amiga, ele liberta Jones e juntos, eles a libertam. Em seguida, os três voltam à mina para libertarem as crianças.

imagem

Comentários

Realizado pelo grande cineasta Steven Spielberg, a partir de um roteiro escrito por Gloria Katz e Willard Huyck, "Indiana Jones e o Templo da Perdição" é um filme produzido em 1984 pela Paramount Pictures e a Lucasfilm.

Na direção, mais uma vez Spielberg realiza um excelente trabalho, no que é ajudado por uma bela fotografia, a cargo de Douglas Slocombe, e pelos ótimos efeitos especiais. No elenco, o maior destaque é, sem nenhuma dúvida, Harrison Ford, seguido pelas boas atuações de Kate Capshaw e Ke Huy Quan.

CAA