Filmes por gênero

IRIS (2001)

Iris
imagem imagem imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Poèmes pour Iris (Canadá francês)
Iris - Un amore vero (Itália)
Iris: Recuerdos imborrables (Argentina)
Pais: Reino Unido, Estados Unidos
Gênero: Drama
Direção: Richard Eyre
Roteiro: Richard Eyre, Charles Wood
Produção: Scott Rudin, Robert Fox
Design Produção: Gemma Jackson
Música Original: James Horner
Coreografia: Jane Gibson
Fotografia: Roger Pratt
Edição: Martin Walsh
Direção de Arte: David Warren
Figurino: Ruth Myers
Guarda-Roupa: Michael Mooney, Nicole Young
Maquiagem: Lesley Smith, Kate Benton, Lisa Westcott e outros
Efeitos Sonoros: Glenn Freemantle, Jim Greenhorn, Jon Bailey e outros
Efeitos Especiais: Peter Notley
Nota: 8.5
Filme Assistido em: 2003

Elenco

Kate Winslet Iris Murdoch (quando jovem)
Jim Broadbent John Bayley
Judi Dench Iris Murdoch
Hugh Bonneville John Bayley (quando jovem)
Penelope Wilton Janet Stone
Juliet Aubrey Janet Stone (quando jovem)
Joan Bakewell Apresentadora da BBC
Nancy Carroll Assistente da BBC
Tom Mannion Neurologista
Kris Marshall Dr. Gudgeon
Samuel West Maurice (quando jovem)
Charlotte Arkwright Phillida Stone (quando jovem)
Harriet Arkwright Emma Stone (quando jovem)
Derek Hutchinson Carteiro
Stephen Marcus Motorista de Taxi
Pauline McLynn Maureen
Gabrielle Reidy Tricia
Timothy West Maurice
Saira Todd Phillida Stone
Juliet Howland Emma Stone
Steve Edis Pianista
Emma Handy Policial

Prêmios

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Jim Broadbent)

Academia do Cinema Europeu

Prêmio do Público de Melhor Atriz (Kate Winslet)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Jim Broadbent)

Círculo de Críticos de Cinema de Londres, Inglaterra

Prêmio Atriz Britânica do Ano (Judi Dench)

Associação de Críticos de Cinema de Los Angeles, EUA

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Jim Broadbent)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio de Revelação Masculina (Hugh Bonneville)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio de Melhor Atriz (Judi Dench)

Indicações

Academia de Artes Cinematográficas de Hollywood, EUA

Oscar de Melhor Atriz (Judi Dench)

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Academia Britânica de Cinema e Televisão, Inglaterra

Prêmio Alexander Korda de Melhor Filme Britânico

Prêmio de Melhor Ator Coadjuvante (Hugh Bonneville)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Prêmio de Melhor Roteiro Adaptado

Prêmio de Melhor Ator (Jim Broadbent)

Festival Internacional de Berlim, Alemanha

Prêmio Urso de Ouro (Richard Eyre)

Prêmios Globo de Ouro, EUA

Prêmio de Melhor Atriz em um Drama (Judi Dench)

Prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante (Kate Winslet)

Sindicato dos Jornalistas Críticos de Cinema, Itália

Prêmio Fita de Prata de Melhor Canção

Academia do Cinema Europeu

Prêmio de Melhor Ator (Jim Broadbent, Hugh Bonneville)

Prêmio de Melhor Atriz (Judi Dench)

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Seja em seus dias como professora em Oxford, em meados do século XX, onde impressionou todos à sua volta com seu espírito libertino, ou em sua carreira como filósofa e romancista, a célebre escritora irlandesa, Iris Murdoch, esteve sempre à frente de seu tempo.

Conhecida e admirada por seu intenso amor pela vida, que transmitia através de sua obra, ao se descobrir acometida pelo Mal de Alzheimer essa admirável mulher reagiu heroicamente, numa longa luta contra a doença que acabaria por levá-la à morte em 1999.

E, ao longo de 40 anos, um homem esteve ao seu lado a cada um de seus passos, seu marido John Bailey, verdadeira alma gêmea que, na saúde e na doença, a amaria por toda a sua vida.

imagem imagem imagem

Comentários

"Iris" é um excelente filme do diretor inglês, Richard Eyre, que narra os 40 anos da relação entre a escritora Iris Murdoch e John Bayley, desde os tempos em Oxford, nos anos 50, até sua morte em 1999.

O filme é um contínuo contraponto entre a jovem mulher, maravilhosamente vivida por Kate Winslet e a idosa, acometida do mal de Alzheimer, que progressivamente vai acabando com sua memória e equilíbrio emocional, magnificamente vivida por Judi Dench.  O imenso contraste entre a personalidade carismática da escritora, no auge de sua carreira, e o seu espírito abatido pela doença, é particularmente intenso.  Com Hugh Bonneville, nos anos 50, e Jim Broadbent, na fase madura, ambos com ótimas atuações, o personagem John Bayley deixa sua marca como o suporte sobre o qual Iris edificou sua carreira.

O filme não se detém muito em alguns aspectos de sua vida como, por exemplo, sua vida bissexual e sua obra literária, propriamente dita.

CAA