Filmes por gênero

NUNCA ME DEIXES IR (1953)

Never let me go
imagem

Ficha Técnica

Outros Títulos: Nunca me abandones (Portugal)
Ne me quitte jamais (França, Bélgica)
Arrivò l'alba (Itália)
No me abandones (Espanha)
Es begann in Moskau (Austria, Alemanha)
Det började i Moskva (Suécia)
Gevaarlijke ontvoering (Holanda)
Det begyndte i Moskva (Dinamarca)
Pais: Estados Unidos
Gênero: Drama, Romance, Suspense
Direção: Delmer Daves
Roteiro: Ronald Millar, George Froeschel
Produção: Clarence Brown
Música Original: Hans May
Direção Musical: Hans May
Fotografia: Robert Krasker
Edição: Frank Clarke
Direção de Arte: Alfred Junge
Efeitos Sonoros: A.W. Watkins
Efeitos Visuais: Tom Howard
Nota: 8.2
Filme Assistido em: 1968

Elenco

Clark Gable Philip Sutherland
Gene Tierney Marya Lamarkina
Bernard Miles Joe Brooks
Richard Haydn Christopher Wellington St. John Denny
Belita Valentina Alexandrovna
Kenneth More Steve Quillan
Theodore Bikel Tenente
Anna Valentina Svetlana Mikhailovna
Frederick Valk Kuragin
Robert Henderson Embaixador dos Estados Unidos
Stanley Maxted John Barnes
Meinhart Maur Lemkov
Alexis Chesnakov General Zhdanov
Anton Diffring Funcionário do Hotel
Anton Dolin Sócio de Marya
Richard Marner Oficial russo
Arthur Mullard .
Peter Illing .
Karel Stepanek .

Videoclipes

70 anos de cinema

Sinopse

Depois de assistir às festividades do Dia da Vitória na Praça Vermelha de Moscou, o repórter americano Philip Sutherland assiste a uma performance do Lago dos Cisnes pelo Balé Bolshoi com seu amigo, o jornalista Steve Quillan. Nos bastidores, ele olha para a bailarina Marya Lamarkina, a quem tentou, sem sucesso, cortejar por dois anos. Para sua surpresa, ela revela que está aprendendo inglês para declarar seu amor por ele e manifesta o desejo de se casar e acompanhá-lo em sua volta para os Estados Unidos.

No dia seguinte, Philip e Marya visitam o embaixador dos EUA, que os  avisa de que ela poderá ter problemas para obter um visto de saída. Embora não tenham garantia de que ficarão juntos quando Philip tiver que retornar aos Estados Unidos, os amantes se casam na Embaixada americana. Durante a lua de mel, na cidade balneária de Tallin, no Báltico, eles conhecem o inglês Christopher Wellington Denny, casado com a amiga de Marya, Svetlana Mikhailovna.

Christopher relata que conheceu sua esposa em um banquete, durante a guerra, e diz que planeja levá-la para sua casa na Cornualha, tão logo ela consiga o visto de saída do país. No entanto, quando Christopher é detido por agentes de segurança soviéticos, por tirar fotografias na praia, ele é expulso da Rússia, e o pedido de visto da Svetlana, grávida, é negado. Philip e Marya cuidam de Svetlana, que dá à luz um filho em seu apartamento.

Pouco tempo depois, Philip descobre que será transferido em breve, face ao aumento das tensões da Guerra Fria, e se dedica a conseguir o visto de Marya. No aeroporto, no entanto, ela é detida pela polícia logo depois que Philip embarca no avião, e ele se vê forçado a voltar para a América sem ela. Philip tenta, em vão, ser transferido para Moscou, mas é proibido pelas autoridades russas.

Depois que seu editor, John Barnes, o transfere para Londres, Philip visita Christopher, que lhe dá algumas cartas de Marya. Determinado a resgatar sua esposa, Philip compra um veleiro holandês e propõe a Christopher que eles partam para Tallin, onde o Bolshoi estará se apresentando numa turnê. Christopher declina, dizendo que está disposto a arriscar sua própria vida, mas não a de seu filho. Sob a orientação do condutor do barco, Joe Brooks, Philip dedica toda sua energia para aprender a ser um marinheiro.

No dia em que vão partir, Christopher chega ao porto pronto para se juntar a eles, face a ter descoberto recentemente que seu filho morrera de febre. Os três homens zarpam, parando em Estocolmo para se encontrar com Steve, que concordara em passar mensagens para as mulheres, e criando um código pelo qual ele se comunicará com Philip através de suas transmissões de rádio. Eles continuam sua viagem, e quando a costa de Tallin está à vista, Philip e Christopher saem em um bote para encontrar suas esposas, conforme combinado por Steve.

Apenas Svetlana nada para encontrá-los, explicando-lhes que o Bolshoi resolvera fazer uma apresentação adicional naquela noite, e Marya ainda se encontra no teatro. Philip instrui Christopher a levar Svetlana de volta ao barco e pede que Joe retorne em três horas. Em seguida, ele nada até a praia, rouba o uniforme de um oficial do corpo médico e vai ao teatro. Depois de chamar Marya aos bastidores, Philip senta na platéia e assiste sua esposa dançar o papel principal do Lago dos Cisnes.

Num determinado momento, no entanto, Marya desmaia e Philip vai aos bastidores para examiná-la. Ele a leva para fora do teatro, mas enquanto fogem, a dançarina Valentina Alexandrovna identifica o "médico" como Philip, e os policiais os perseguem. Philip acelera em direção à baía e dirige o carro até o final do píer. Ele e Marya nadam em silêncio até o bote e se abraçam apaixonadamente enquanto Joe os leva para um local seguro.

imagem

Comentários

Realizado pelo cineasta Delmer Daves, a partir de um roteiro escrito por Ronald Millar e George Froeschel, “Nunca me Deixes Ir” é um filme norte-americano produzido pela Metro-Goldwyn-Mayer (MGM) em 1953. Sua trama, baseada no romance “Came the Dawn” de Roger Bax, é marcada por uma boa dose de ação e suspense.

Embora não seja extraordinária, a direção de Daves se mostra bastante segura, o mesmo ocorrendo com a fotografia em preto e branco, a cargo de Robert Krasker.

No elenco, Clark Gable e Gene Tierney estão ótimos nos papéis principais, seguidos pelas boas atuações de Richard Haydn e Kenneth More.

CAA